Notícias
Concurso & Carreira


Dia Mês Ano

[23-04-2014]

Anatel: edital em junho

Concurso para 100 vagas; remuneração até R$11.776

O edital do concurso da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) será publicado somente em junho, segundo informações da assessoria de imprensa da autarquia. Interessados na seleção devem aproveitar, e antecipar os estudos, e a dica é consultar as provas anteriores dos exames da agência reguladora que foi realizado pelo Cespe/UnB em no ano de 2012.
A seleção pública estará oferecendo 100 vagas, para níveis médio e superior. As mesmas serão distribuídas da seguinte forma:12 para técnico em regulação de serviços de telecomunicações e 20 para técnico administrativo com exigência do ensino médio completo. No nível superior, a oferta é de 20 vagas para analista administrativo e 48 para especialista em regulação em telecomunicações. Os técnicos em regulação terão remuneração de R$5.791,25, os técnicos administrativos receberão R$ 6.047,25, os analistas terão ganhos de R$10.916,90, e os especialistas, R$11.776,90, já acrescidos R$ 373 de auxílio-alimentação. A seleção é o regime estatutário, uma boa oportunidade para quem busca a estabilidade. A autarquia, que é ligada ao Ministério das Comunicações e tem unidades em todo o Brasil, no último concurso contemplou no último concurso as cidades de Brasília, Maceió, Goiânia, Belo Horizonte, Campo Grande, Belém, Recife e São Paulo.
 



[22-04-2014]

Polícia Federal: edital em junho com 600 vagas de Agente

A Polícia Federal tem pressa em realizar o concurso público para o preenchimento de 600 vagas para o cargo de agente, autorizado em 26 de março pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG). De acordo com informações obtidas junto aos responsáveis pelo setor de concursos da instituição, o edital já está pronto. Porém, sua publicação ainda depende da escolha da empresa ou fundação organizadora,que está em andamento. A previsão é de que seja anunciada em meados de maio, para que o órgão possa seguir o cronograma preliminar, já estipulado. Desta forma, o edital deverá ser publicado em junho, com aplicação das provas em agosto.
Para concorrer ao cargo é necessário possuir curso de nível superior em qualquer área de formação e carteira de habilitação a partir da categoria “B”. A remuneração inicial da categoria é de R$ 7.887,33, incluindo o salário de R$ 7.514,33 e auxílio alimentação de R$ 373, com jornada de trabalho de 40 horas semanais.
Os responsáveis pelo setor de concursos explicam que, uma vez pronto, o edital poderia ser liberado logo após a escolha da organizadora. Porém, entre estes procedimentos existe um trâmite burocrático, uma vez que a banca precisa passar por consultoria jurídica do Ministério da Justiça. Este procedimento também foi realizado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em seu concurso para agentes administrativos, quando o Ministério acabou solicitando alterações nas propostas apresentadas pelas interessadas antes da publicação do edital.
De acordo com a autorização do MPOG, a PF tem um prazo de até seis meses para a liberação do edital, com limite em 26 de setembro. Porém, a intenção é agilizar todos os procedimentos do concurso, para que os aprovados já possam ser nomeados no início de 2015.
Atribuições – Entre as atribuições do cargo estão executar investigações e operações policiais na prevenção e na repressão a ilícitos penais, dirigir veículos policiais, cumprir medidas de segurança orgânica e desempenhar outras atividades de natureza policial e administrativa.
Seleção – O último concurso para o cargo ocorreu em 2012, com oferta de 500 vagas. A organizadora foi o Cespe/UnB e a seleção contou com duas fases. A primeira foi composta de provas objetivas, exames discursivos, testes de aptidão física e avaliações médica e psicológica. Na segunda, os candidatos foram submetidos a um curso de formação profissional.
O conteúdo programático contou com temas sobre língua portuguesa, noções de informática, atualidades, raciocínio lógico, noções de administração, noções de economia, noções de contabilidade, noções de direito penal, noções de direito processual penal, noções de direito administrativo, noções de direito constitucional e legislação especial.

Fonte: Assessoria PF
 



[22-04-2014]

Agencia Brasileira de Inteligência faz novo pedido ao MPOG e aumenta o número de vagas

O novo concurso será para ensino médio e superior

A Agência Brasileira de Inteligência (Abin) encaminhou, no último dia 8, nova solicitação de concurso ao Ministério do Planejamento, previsto para ocorrer em 2015. A solicitação conta com uma oferta maior que as solicitações anteriores, 230 vagas. A atual conta com 470 oportunidades, sendo 350 para cargos com exigência de nível superior e 120 para ensino médio. Os salários iniciais variam de R$ 5.248,93 a R$ 14.662,34.
De acordo com o pedido, quem possui nível superior poderá concorrer aos cargos de oficial de inteligência e oficial técnico de Inteligência, respectivamente, com 200 e 150 vagas. As remunerações iniciais são de R$ 13.538.03 para oficial técnico e R$ 14.662,34 para oficial, ambos já considerando o adicional de R$ 373 de auxílio alimentação.
Para ensino médio as oportunidades são para agente de inteligência e agente técnico de inteligência, com 50 e 70 vagas. Os iniciais são de R$ 5,791,31 para agente e R$ 5.248,93 para agente técnico, ambos já com o auxílio alimentação.
Além da escolaridade, para concorrer é necessário possuir carteira de habilitação a partir da categoria “B”. Todos os cargos contam com jornada de trabalho de 40 horas semanais.
Para todas as carreiras, a remuneração conta com melhorias durante o exercício, chegando a R$ 8.752,30 para o agente técnico, R$ 9.684,36 para agente, R$ 18.628,85 para oficial técnico e R$ 20.658,98 para oficial, já considerando auxílio alimentação.
Histórico – O primeiro pedido encaminhado pela Abin para o MPOG ocorreu em 2011, com um total de 230 vagas, sendo 200 para oficial de inteligência e 30 para agente de inteligência. Em 18 de setembro de 2013, o MPOG deu um parecer negativo à solicitação. Novo pedido foi encaminhado em 23 de setembro de 2013, com resposta do MPOG em 17 de março de 2014, reiterando a negativa para a realização do concurso e solicitando que a Abin apresente nova proposta, com informações e justificativas atualizadas, levando em consideração o exercício de 2015.
O último concurso da Abin ocorreu em 2010, e foi organizado pelo Cespe/UnB. Na ocasião, a oferta foi para a carreira de oficial técnico nas áreas de administração, planejamento estratégico, arquitetura, arquivologia, ciências contábeis, jornalismo, publicidade e propaganda, estatística, desenvolvimento e manutenção de sistemas direito, educação física, engenharia civil, engenharia elétrica, pedagogia, psicologia, serviço social e suporte à rede de dados, além de agente técnico nas áreas de administração, contabilidade, edificações, eletrônica e tecnologia da informação.
 



[16-04-2014]

Conselho Regional de Arquitetura do Paraná é prorrogada até dia 22 de abril

Prazo já havia sido prorrogado uma vez; inscrições custam R$ 90 e R$ 130.
As inscrições para o concurso público do Conselho Regional de Arquitetura e Urbanismo do Paraná foram prorrogadas mais uma vez para 22 de abril. Anteriormente, o prazo já havia sido estendido de 8 de abril para o dia 15 do mesmo mês. Ao todo, são oferecidas 24 vagas, além de criar um cadastro de reserva. As inscrições devem ser feitas pela internet e custam R$ 90 para cargos de nível médio e R$ 130 para nível superior. Os salários variam entre R$ 1.067, 66 e R$ 5.792. A data da prova, que estava marcada para o dia 27 de abril, ficou para o dia 18 de maio.
As vagas de nível médio são para assistente administrativo, assistente contábil/financeiro, assistente de atendimento, assistente financeiro e assistente jurídico. Os salários podem chegar a R$ 1.982,79. As vagas para o cargo de assistente de atendimento são para as cidades de Curitiba, Cascavel, Londrina, Maringá e Pato Branco.
Já os cargos de nível superior são para advogado, analista administrativo, analista de compras de produtos e serviços, analista de TI, contador, fiscal/arquiteto e urbanista e jornalista. A remuneração varia entre R$ 2.605,20 e R$ 5.792. O cargo de fiscal/arquiteto e urbanista tem vagas em Curitiba e Londrina.

 



[15-04-2014]

INSS publica resultado final de provas objetivas das 300 vagas de analista

Resultado final do concurso pode ser divulgado dia 8 de maio
A Funrio e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) divulgaram nesta terça-feira (15) os resultados finais da prova objetiva, os gabaritos definitivos e o julgamento dos recursos contra os gabaritos preliminares do concurso para 300 vagas de analista do seguro social.
Os candidatos podem consultar os resultados no site www.funrio.org.br. As listas estão divididas pelas letras que iniciam o nome dos candidatos. Os documentos trazem as notas em todas as disciplinas, o número de acertos, de pontos e também a situação 'aprovado' ou 'reprovado'.
O resultado já tinha sido liberado na segunda-feira (14), mas a organizadora republicou o documento após constatar que candidatos que constavam no resultado preliminar não apareciam no documento de resultado final.
A previsão é que o resultado final do concurso seja divulgado em 8 de maio de 2014.
O concurso do INSS ofereceu 300 vagas, sendo 274 para ampla concorrência e 26 para candidatos com deficiência. O salário é de R$ 7.147,12. Foram 164.209 candidatos inscritos, mas 160.234 permaneceram na disputa após a reaplicação da prova.
O cargo com o maior número de inscrições efetivadas (11.080) é o que exige formação em direito destinado à Superintendência Sudeste I do INSS, que tem sede em São Paulo. Os mais de 11 mil inscritos vão concorrer a 9 vagas de ampla concorrência, além de uma vaga destinada às pessoas com deficiência. Na sequência estão os que concorrem também às vagas com formação em direito para a Superintendência Nordeste (11.038), com sede em Recife, e Sudeste II, sediada em Belo Horizonte (9.272).
As cidades de maior concentração de candidatos são: Brasília (11.830), São Paulo (8.999), Belo Horizonte (6.520) e Recife (6.040). As cidades com a menor concentração de candidatos são: Tefé (51), Diamantina (269), Ouro Preto (328) e Canoas (344).
As atividades do analista são instruir e analisar processos e cálculos previdenciários, de manutenção e de revisão de direitos ao recebimento de benefícios previdenciários; proceder à orientação previdenciária e atendimento aos usuários; realizar estudos técnicos e estatísticos; executar, em caráter geral, as demais atividades inerentes
às competências do INSS.
As vagas são distribuídas nas seguintes áreas de formação: estatística, administração, ciências contábeis, direito, engenharia civil, engenharia mecânica, engenharia elétrica, engenharia de telecomunicações, engenharia com especialização em segurança do trabalho, arquitetura, tecnologia da informação, terapia ocupacional, pedagogia, psicologia, comunicação social (jornalismo e publicidade e propaganda), fisioterapia e letras.
As vagas estão distribuídas nas Superintendências Regionais e Administração Central:
Superintendência Regional Norte Centro-Oeste (circunscrição AC, AM, AP, DF, GO, MS, MT, PA, RO, RR e TO), Superintendência Regional Nordeste (circunscrição PE, AL, BA, CE, PB, RN, SE, MA e PI), Superintendência Regional Sudeste I (circunscrição SP), Superintendência Regional Sudeste II (circunscrição MG, ES e RJ), Superintendência Regional Sul (circunscrição SC, PR e RS) e Administração Central (circunscrição Brasília).
Os candidatos poderão ser lotados em quaisquer unidades subordinadas às
Superintendências Regionais para qual concorre, de acordo com o interesse da administração
O concurso tem a validade de um ano, que pode ser prorrogada por igual período.
 



[15-04-2014]

Cobra Tecnologia, do BB abre 150 vagas, maioria para Brasília

Chances também para: Goiás, Pará, Rio de Janeiro e São Paulo
Publicado no Diário Oficial hoje (15/4) o edital do concurso para ingresso na Cobra Tecnologia S.A., empresa vinculada ao Banco do Brasil . A oferta é de 150 vagas, além de formação de cadastro reserva. São 40 chances para nível médio/técnico e 110 para superior. Do total, 5% serão reservadas a candidatos com deficiência. Brasília é a cidade com mais oportunidades, são 100 no total.
As 40 chances imediatas em nível médio são para técnico administrativo, com lotação em Goiânia/GO. Para nível médio/técnico será formado cadastro reserva para o posto de técnico de operações. Neste caso será preciso ter também carteira de habilitação na categoria "B" e registro no órgão de classe. As remunerações são de R$ 1.377,46 e R$ 1.627,90, respectivamente.
Graduados em qualquer curso poderão disputar o cargo de analista de operações. São 100 vagas para lotação em Brasília/DF e 10 para Belém/PA. O salário é de R$ 3.581,38. A jornada de trabalho para todos os postos é de 44h semanais.
As inscrições estão abertas e podem ser feitas até dia 12 de maio, pelo site da banca organizadora, o Instituto Quadrix. As taxas custam R$ 26, R$ 28 e R$ 38.
Candidatos de todos os níveis serão submetidos à prova objetiva no dia 1º de junho. Participantes de nível superior ainda passarão por prova de títulos. Os exames serão aplicados em Assis/SP, Barreto/SP, Barueri/SP, Bauru/SP, Belém/PA, Brasília/DF, Fernandópolis/SP, Goiânia/GO, Jaú/SP, Mogi das Cruzes/SP, Mogi-Mirim/SP, Piracicaba/SP, Registro/SP, Rio Claro/SP, Rio de Janeiro/RJ e São Paulo/SP.
O concurso tem validade de um ano, podendo ser prorrogado por igual período.
 



[15-04-2014]

TRF4: Edital em maio para servidor

TRF da 4ª Região se prepara para lançar concurso para nível médio e superior
O edital do concurso para servidores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF 4), que abrange os estados do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, está previsto para sair em maio com aplicação das provas para julho. Serão oferecidas vagas nos níveis médio e superior.
As oportunidades já foram definidas e serão para os cargos de técnico judiciário nas áreas Administrativa, Administrativa/Segurança e Transporte, apoio especializado Contabilidade e apoio especializado/Tecnologia da Informação; e analista judiciário nas áreas Judiciária, Judiciária/oficial de justiça avaliador federal, e apoio especializado/Informática. A seleção será para formar cadastro de reserva, para suprir vagas de aposentadorias, desligamentos e criação de novas varas federais, após o esgotamento da validade do último concurso do tribunal.
De acordo com a Assessoria de imprensa do órgão, o salário atual para os cargos de nível médio é de R$ 5007,82 e os de nível superior é de R$ 8178,06. A última seleção, em 2009, foi organizada pela Fundação Carlos chagas (FCC), e até o momento foram nomeados em vagas decorrentes de desligamentos 227 analistas e 488 técnicos.
JUIZ SUBSTITUTO
O TRF 4 está com as inscrições abertas para o concurso que vai ocupar 16 postos na carreira de juiz federal substituto abertas.
Para concorrer, o candidato deve ser bacharel em direito e ter, até a data da inscrição definitiva, pelo menos três anos de atividade jurídica exercida após a obtenção do grau de bacharel em direito. A remuneração é de R$ 23.997,19.
As inscrições acontecem através do site www.trf4.jus.br/concursojfs até às 18h do dia 6 de maio e o valor da taxa de participação é de R$ 190.

Kristina Gomes

 



[14-04-2014]

Auditor Fiscal e Técnico Tributário no Rio Grande do Sul

200 vagas de nível superior - salários até R$ 10,9 mil
A Secretaria de Fazenda do Rio Grande do Sul (Sefaz/RS) oferece 200 vagas de nível superior em novo concurso. Do total de chances, 20 são reservados a pessoas com deficiência e 32 para negros e pardos. Os salários variam entre R$ 4.620 e R$ 10.940 por jornadas de trabalho de 40h semanais - além dos vencimentos, haverá pagamento de prêmio de produtividade e eficiência variável de R$ 3.704,95 e R$ 8.188,94, respectivamente. Haverá provas objetivas nos dias 20 de julho, 9 e 10 de agosto.
Os cargos ofertados são os de técnico tributário e auditor, ambos os cargos de formação superior. Para o posto de auditor, podem concorrer graduados em ciências jurídicas e sociais, ciências econômicas, ciências contábeis, administração, engenharia ou tecnologia da informação. As inscrições para técnicos já podem ser feitas e vão até o dia 8 de maio. Para auditor, o período de inscrições é de 12 de maio a 11 de junho. Em ambos os casos, as inscrições deverão ser feitas no site da Fundatec no endereço www.fundatec.org.br - banca organizadora.
As seleções são válidas por um ano, podendo ser prorrogadas pelo mesmo tempo.
 



[14-04-2014]

TJ/SP fará concurso para nível médio

Salário inicial de R$ 4.528,31

O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) já iniciou os preparativos para a realização de um novo concurso público para o cargo de escrevente técnico judiciário. De acordo com informações obtidas junto assessores do órgão, o concurso já está confirmado e abrangerá todo o Estado. Porém, o número de vagas ainda será definido.
Para concorrer ao cargo é exigido apenas ensino médio completo. A remuneração inicial é de R$ 4.528,31, já considerando o salário de R$ 3.658,31, auxílio-saúde de R$ 100 mensais, auxílio-alimentação de R$ 29 por dia e auxílio-transporte de R$ 6 por dia, considerando 22 dias.
Regionais – O processo de seleção do novo concurso deverá seguir os mesmos procedimentos do anterior, realizado em 2013. Desta forma, o concurso contará com editais específicos para as comarcas do interior, grande São Paulo e interior.
As oportunidades da capital e grande São Paulo devem ser divididas em 10 regiões administrativas. A 1ª abrange a capital e grande São Paulo, incluindo São Paulo, São Bernardo do Campo, Diadema, Santo André, Mauá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, São Caetano do Sul, Osasco Barueri, Carapicuíba, Jandira, Guarulhos, Arujá, Mairiporã, Santa Isabel, Mogi das Cruzes, Brás Cubas, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Poá, Suzano, Itapecerica da Serra, Cotia, Embu das Artes, Embu-Guaçu,Itapevi, Taboão da Serra e Vargem Grande Paulista.
As demais, que fazem parte do interior do estado, com sede nas seguintes cidades: 2ª região – Araçatuba, 3ª região – Bauru, 4ª região – Campinas, 5ª região – Presidente Prudente, 6ª região – Ribeirão Preto, 7ª região – Santos, 8ª região – São José do Rio Preto, 9ª região- São José dos Campos; e 10ª região – Sorocaba.

 



[14-04-2014]

Mais de 68 mil candidatos irão disputar as 278 vagas da Receita Federal

Provas serão aplicadas nos dias 10 e 11 de maio

A Escola de Administração Fazendária (Esaf) divulga quantidade de inscritos no concurso para auditor da Receita Federal do Brasil (RFB). De acordo com a banca, 68.540 pessoas se candidataram para disputar as 278 vagas disponíveis. A concorrência média aproximada é de 246 candidatos por chance. A remuneração inicial do posto é de R$ 14.965,44. Os aprovados serão lotados nas unidades centrais, em Brasília/DF, ou nas unidades descentralizadas da Secretaria da Receita Federal do Brasil.
Para participar, o candidato deve ter graduação em qualquer curso de nível superior. A seleção será feita em duas etapas. A primeira é a aplicação das provas objetiva de conhecimentos gerais, objetiva de conhecimentos específicos e discursiva. A segunda etapa é a sindicância de vida pregressa. Os exames serão aplicados nos dias 10 e 11 de maio, nas capitais dos estados e no Distrito Federal.
A prova de conhecimentos gerais terá questão de língua portuguesa, espanhol ou inglês, raciocínio lógico, administração geral e pública, direito constitucional e direito administrativo. Já para a prova de conhecimentos específicos o candidato deve ter domínio em direito tributário, auditoria, contabilidade geral e avançada, legislação tributária e comércio internacional e legislação aduaneira. Na prova discursiva, as duas questões serão sobre direito tributário e comércio internacional e legislação aduaneira.
O concurso é válido por seis meses, a contar da data de homologação, podendo ser prorrogado por igual período.
 



© 2010 Grupo Aprovação. Todos os direitos reservados.